Serralharia Pesada

Executamos trabalhos de SERRALHARIA INDUSTRIAL , com trabalhos de corte , soldadura e montagem.

Quinadora Hidráulica 4000/160T

A quinagem passa a ser a novidade nos serviços da LUIS MOTA, tendo neste momento um desempenho de grande qualidade e rentabilidade.

Efetuamos seeviços de quinagem.

Comprimento até 4000 mm.

Espessura Ferro / Metais até 8 mm.

Oxi Corte Alta Definição

Esta maquina de tecnologia ultra moderna é utilizada para corte de chapa de ferro de 6 m/m ate 300 m/m espessura.

A maquina trabalha com CNC e os desenhos são importados em formato digital DXF, DWG, entre outros.

Fibra /Laser

Esta maquina é o topo da tecnologia no mercado actual.

Cortando varias ligas metálicas como: latão , cobre, alumínio, inox, níkel, aço carbono , nas espessuras de 0.8m/m ate 12 m/m espessura. No aço carbono vai ate 15 m/m espessura/corte.

Os desenhos são importados em formatos digitais DXF, DWG ,entre outros.

Oxi Corte

O oxi corte é uma técnica muito utilizada para o corte de objetos metálicos. Esse método consiste na ruptura do material através da erosão térmica, em que o objeto metálico, após ser aquecido, é submetido a um jato de oxigénio, causando a sua oxidação. Vários gases combustíveis podem ser usados na mistura com o oxigénio: acetileno, hidrogénio, butano, propano, etc.

Os gases combustíveis têm a função de produzir chama para os maçaricos, que são responsáveis pelo aquecimento dos metais. O maçarico utilizado no oxi corte mistura o gás combustível com o oxigénio, sendo regulado para fornecer a proporção adequada de chama. Os gases são armazenados em blocos próprios

O oxi corte pode ser realizado de forma automática ou manual. Esse procedimento exige conhecimento do operador.

Plasma de Alta Definição

Em 1990 surge o plasma de alta definição que revoluciona o processo plasma e o torna aplicável em peças com maiores exigências de qualidade de corte. O processo utiliza um orifício reduzido no bico e um canal extra para saída de excesso de gás plasma resultando num corte praticamente sem chanfro e sem escória.

Em 1993 é lançado o processo com jato de ar auxiliar aplicado coaxialmente ao jato de plasma. Aumenta a eficiência do jato proporcionando um aumento de velocidade e redução do ângulo de corte.
Em 2004 são incorporadas novas tecnologias ao processo plasma de alta definição com o objetivo de melhorar o desempenho e consistência do processo. O resultado foi a criação do plasma de alto desempenho. Com todo este avanço tecnológico, o plasma torna-se um dos processos mais importantes na indústria do corte.


A principal vantagem deste sistema reside na sua redução do risco de deformação devido à compactação térmica da zona de corte.


Esta tecnologia moderna é utilizável para o corte de qualquer material metálico condutor, e mais especialmente em aço estrutural, aço inoxidável e metais não ferrosos. Corte a plasma pode ser um processo complementar para trabalhos especiais, tais como a produção de pequenas séries, atingindo tolerâncias apertadas ou acabamentos melhorados. O início do corte é praticamente instantâneo e produz uma deformação mínima da peça de trabalho. Este processo permite altas velocidades de corte e menos tempo de inactividade ocorre, (sem pré-aquecimento é necessário para perfuração).

Permite corte espessuras de 0,5 a 160 mm, com unidades de plasma até 1000 amperes. O corte de plasma também permite que o aço estrutural possa ser chanfrado até 30 milímetros. Uma das características mais notáveis é a alta qualidade e acabamento do corte

Serrote Mecânico CNC




Serrotes mecânicos são máquinas ferramentas que permitem o corte de materiais de diferentes dimensões, no qual a ferramenta (serra) está dotada de movimento rectilíneo alternativo.
Principais tipos: Serrote mecânico de arco e serrote mecânico de disco.